sexta-feira, 15 de outubro de 2010

em tanto


que dia era esse?
ela estava tão parada que as coisas não
se perguntavam da mesma forma.
nada acontecia no imperativo.
estava num lugar estrangeiro,
era a primeira vez que botava os pés
neste canto da cidade,
e nãO era desbravamento.
só uma circunstância. ontem o tarô me disse:
somos um acúmulo
e desácumulo de cascas.
às vezes a leitura me influencia.
hoje estou descascada,
mas não sou limão.
e desconheço minhas doçuras.
sou uma árvore desapegando frutos.